top of page
Buscar
  • Marta Rangel

As mães perfeitas

As mães perfeitas têm quase sempre filhos perfeitos, que dormem a noite toda desde que saem da maternidade, mamam bem e comem tudo sem qualquer problema. As mães perfeitas tiveram uma gravidez que foi um verdadeiro estado de graça e um parto ao nível de uma experiência transcendental. As mães perfeitas não têm quaisquer queixas durante o pós-parto e estão em forma poucos dias depois do bebé nascer. As mães perfeitas têm companheiros perfeitos, que são maridos apaixonados e pais dedicados. As mães perfeitas têm redes de suporte - perfeitas, claro - que antecipam todas as necessidades delas e dos bebés.

As mães perfeitas vivem em casas maravilhosas, que estão sempre impecavelmente limpas e arrumadas e cozinham as refeições mais saudáveis para os seus filhos (e nunca jamais em tempo algum dão comida processada ou com açúcar). As mães perfeitas passam férias em destinos paradisíacos e conseguem realmente aproveitá-las, mesmo estando com crianças. As mães perfeitas sabem sempre o que dizer ou fazer com os seus filhos, nunca se irritam, não têm sentimentos de culpa e têm vidas ainda mais perfeitas depois de terem sido mães. As mães perfeitas têm sempre um aspecto descansado, um rosto luminoso e todo o estilo de roupa lhes fica bem. E, claro, as mães perfeitas têm sempre roupa a fazer pendant (ou matchy matchy) com os seus filhos. As mães perfeitas têm (ou pretendem ter) uma série de filhos e gerem tudo com a maior facilidade. As mães perfeitas nunca descuram o auto-cuidado, conseguem ter tempo para tudo o que desejam e nunca se queixam. 

<<

As mães perfeitas não existem, a não ser nos filmes, séries e em algumas páginas de redes sociais. Esta “perfeição” serve para nos fazer sonhar e também gera todo o tipo de frustrações, em particular, quando nos comparamos ou desejamos algo que não existe. Por aqui, a única perfeição está na Caetana: aos meus olhos e com todas as suas “imperfeições”. Já eu sou uma mãe muito imperfeita: tenho dúvidas todos os dias, cometo erros com frequência, queixo-me, tenho sentimentos de culpa, sinto-me frustrada, desespero de cansaço, choro muitas vezes, sinto-me perdida outras tantas… e a única certeza que tenho é que faço o melhor que sei e posso sempre com muito amor. E por aí, quais são as vossas imperfeições?

63 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Deseja adicionar um comentário?

bottom of page