top of page
Buscar
  • Marta Rangel

Perfeita aos meus olhos

Hoje pedi para me entregarem compras de supermercado em casa e, quando abri a porta, a Caetana estava a dormir ao meu colo. A senhora que fez a entrega, de forma muito doce, disse: “Que Jesus a abençoe”. Foi o suficiente para me emocionar e as lágrimas começarem a correr.

Fiquei a olhar para a Caetana, nos meus braços, e só pensava: “Ela é perfeita”. Desculpem-me a falta de modéstia. Talvez todas as mães sintam isto. Ou, pelo menos, algumas.

Mas a Caetana é perfeita, aos meus olhos. Mesmo quando a privação de sono e a falta de descanso me desesperam. Mesmo quando só me apetece sair porta fora para ter um dia (meio dia!) para mim. Mesmo quando sinto falta da vida que tinha antes. Ela é perfeita aos meus olhos. Mesmo quando é tão difícil fazer tanta coisa sozinha. Mesmo quando a rede de apoio é pequena. Mesmo quando, nos meus sonhos, idealizava uma realidade diferente. Ela é perfeita aos meus olhos. Mesmo quando nem me reconheço ao espelho. Mesmo quando não sei onde está a Marta e só vejo a mãe. Mesmo quando sinto que a minha vida virou do avesso e nada está no meu controlo. Ela é perfeita aos meus olhos. Mesmo quando sinto falta da liberdade, de não ter horários, de dançar, de relaxar, de me sentir EU… Ela é perfeita aos meus olhos. E é também a maior benção da minha vida. Por isso, sim, tudo o que eu peço e desejo é que Jesus, o Universo, os meus anjinhos lá em cima a protejam sempre. 🤍

 

(escrevi este post de uma vez só enquanto ela dorme nos meus braços; sem filtros, com lágrimas e diretamente do coração. Puro desabafo. Mais real do que isto, é difícil 😉)


9 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Deseja adicionar um comentário?

bottom of page