Buscar
  • Marta Rangel

Swaddling: sabem o que é?

Ouvi falar em swaddling, pela primeira vez, através de uma amiga que me enviou uma fotografia da bebé toda enroladinha naquilo que parecia ser um lenço ou pano. No caso da filha dela, permitia aconchegá-la, acalmá-la e fazia com que dormisse melhor.

Há pouco tempo, recebi este swaddle, da Choá Baby, através da 100% Bebé e, por curiosidade, fui pesquisar mais sobre o tema.



Segundo a What to Expect, o swaddling é uma técnica antiga que consiste em enrolar o bebé num pano ou cobertor fino e tem várias vantagens:


- permite que o bebé se sinta mais seguro e adaptado à vida fora do útero

- impede que o bebé acorde devido ao chamado reflexo de Moro (um reflexo semelhante a um sobressalto ou "susto" frequente nas primeiras semanas de vida do bebé e desencadeado, por exemplo, pela ausência de limites físicos, ou seja, por estar num local mais espaçoso).

- permite manter o bebé quente enquanto a sua temperatura corporal se adapta ao ambiente fora do útero


Mas, atenção, esta prática não é isenta de riscos. De acordo com a terapeuta do sono, Andreia Neves, pode estar associado ao "aumento do risco de Síndrome de Morte Súbita do lactente (SMSL), uma vez que diminui os despertares espontâneos, bem como ao aumento da incidência de displasia da anca pela posição não fisiológica das pernas e articulação da bacia".

Por isso, devem ser tidos em conta alguns cuidados:


- deixar o "embrulho" justo, mas não demasiado apertado

- não enfaixar as pernas do bebé

- deixar as mãos livres ou, pelo menos, uma delas junto ao rosto

- deitar o bebé de costas

- manter o bebé a uma temperatura amena e evitar que aqueça demasiado (portanto, o melhor é não vestir muita roupa)

- não fazer swaddling a partir do momento em que o bebé for capaz de se virar sozinho, o que, regra geral, acontece por volta dos três meses


Segundo as duas publicações, quando bem feita, pode ser uma técnica com bons resultados para os bebés, que permite uma boa noite de sono para todos. Claro que é sempre bom lembrar que cada bebé é um bebé e se experimentar e o seu não gostar, não vale a pena forçar. Existem outras estratégias - como o contacto pele com pele - que podem ajudar a acalmá-lo e a fazê-lo sentir-se mais seguro e tranquilo.

O swaddle foi oferecido pela Choá Baby, no âmbito de uma parceria com a 100% Bebé .

483 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Deseja adicionar um comentário?